Nesta segunda-feira (14), a agência antitruste da Alemanha afirmou que expandiu duas investigações sobre a Amazon, fazendo uso de uma nova regulamentação que permite proibir quaisquer comportamentos anticompetitivos anteriores.

“Estamos examinando em ambos os processos como a Amazon impede as oportunidades de negócios de vendedores ativos no mercado da Amazon e competem com o próprio negócio de varejo da empresa”, informou o presidente do Federal Cartel Office, Andreas Mundt, em comunicado.

publicidade

Leia mais:

As mudanças nas leis antitruste da Alemanha para as empresas digitais, que entraram em vigor no ano passado, dão ao Federal Cartel Office mais poder para identificar e proibir posições dominantes de algumas companhias.

E de acordo com o Federal Cartel Office, a Amazon opera o mercado mais importante no comércio eletrônico, o que lhe possibilita uma posição favorável nesse setor e permite estabelecer as regras de concorrência em sua plataforma.

“Nossas novas competências, que visam justamente restringir esse poder de definir regras, nos permitem intervir de forma mais eficiente contra as práticas anticompetitivas da Amazon”, afirmou Mundt.

Amazon

Amazon tem recorde negativo ao perder valor de mercado

O cenário da economia nos Estados Unidos está mais grave do que imaginamos. Além das demissões em massa e do congelamento de novas contratações, algumas empresas estão perdendo muito dinheiro, como no caso da Amazon.

A gigante de vendas online criada por Jeff Bezos acabou de quebrar o recorde e ser a primeira companhia norte-americana de capital aberto a perder US$ 1 trilhão em valor de mercado.

Leia mais em Olhar Digital

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!